ico Carregando...
Logo SEEL

Troféu Duda Lisboa: competição incentiva jovens sergipanos ao esporte profissional

Autor(a): Givaldo BatistaVisitas: 89
23 de dezembro de 2019

Twitter Facebook WhatsApp WhatsApp

Imagem de Capa

Evento também homenageou a sergipana Duda Lisboa, considerada a melhor jogadora de vôlei de praia do mundo

 

Manhã de sol, céu azul, mar calmo, juventude em movimento, saques fortes, sacadas de efeito e muita emoção em conjunto com a presença da melhor atleta do mundo de Vôlei de Praia, a sergipana Duda Lisboa. Foi assim a manhã e tarde da sexta-feira, 20, na praia da Cinelândia, em Aracaju, por ocasião da realização do Troféu Duda Lisboa de Vôlei de Praia.

A competição contou com a participação dos maiores nomes desse esporte no Estado de Sergipe. Ao final, troféus e medalhas para os três primeiros colocados em cada gênero. No feminino, medalha de ouro para a dupla Ágatha e Carol. A dupla Beatriz e Tâmara ficou em segundo lugar. Fechando o pódio com as meninas Thaís e Larissa. No masculino, a dupla Pedro e Neto fez por merecer e conquistou o ouro. A prata foi para a dupla Robert e Zidane, enquanto Cristian e Felipe Mota levaram o bronze.

“A sensação é de dever cumprido. Esse é o sentimento, diante da realização e conclusão de mais um evento esportivo. O Troféu Duda Lisboa de Vôlei de Praia conseguiu cumprir seus dois objetivos. Além de homenagear a atleta multicampeã, houve o incentivo à prática da modalidade, unindo atletas profissionais e amadores de várias idades”, assim se manifestou a Superintendente Especial de Esportes, Mariana Dantas, que que prestigiou o evento do toque do hino nacional até a premiação e homenagem à Duda.

O evento promovido pela Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) e organizado pela Superintendência Especial do Esporte (Supee), foi um sucesso. Contando com a participação de 19 duplas, masculinas e femininas, a competição chamou a atenção de quem visitou a Praia da Cinelândia na última sexta-feira, 20 de dezembro. Antes da execução do hino nacional, a Superintendente Mariana Dantas explicou a importância daquele momento.

“Esse evento surgiu na ideia de podermos homenagear a nossa atleta olímpica Duda Lisboa e ao mesmo tempo incentivar esse esporte. Ela é motivo de muito orgulho para todos nós sergipanos e sempre levou o nome do nosso estado além-fronteiras. Duda foi eleita duas vezes consecutivas a melhor atleta de Vôlei de Praia do mundo e isso é um feito para poucos", comemorou a Superintendente.

Ao final do discurso, Mariana desejou boa sorte aos competidores e deixou uma mensagem de incentivo aos atletas, para que busquem se espelhar na homenageada. Duda compareceu ao evento para assistir o torneio festivo, acompanhada de sua família e amigos. As duplas aproveitaram o momento para “tietar” a atleta, tirando fotos e batendo um papo, sobre seus próximos passos em 2020.

A todo o momento, Duda estava atenta, observando cada lance dos jogos que estavam acontecendo de forma simultânea, em duas quadras montadas nas areias da Praia da Cinelândia. Enquanto as duplas masculinas disputavam as eliminatórias, as duplas femininas participavam de um rodízio, buscando somar a maior quantidade de vitórias possível. Dentre os atletas participantes, alguns já eram medalhistas na modalidade, como é o caso da atleta Ágatha Bianca.

Ágatha conquistou recentemente a medalha de prata nos Jogos Escolares da Juventude, em Blumenau, jogando com a parceira Vanessa. Desta vez, ela teve a Karol ao seu lado. As jovens deram um verdadeiro show e conseguiram o primeiro lugar no pódio da competição. A dupla Beatriz e Tâmara ficou em segundo lugar, fechando o pódio com as meninas Thaís e Larissa.

As disputas também foram acirradas nas eliminatórias masculinas, fazendo com que a competição durasse até a tarde de sexta-feira. A dupla Pedro e Neto fez por merecer e conquistou o ouro na categoria. A prata ficou por conta da dupla Robert e Zidane, enquanto Cristian e Felipe Mota levaram o bronze para casa.

O ponto alto do evento, o momento mais emocionante, ficou para o final: a homenagem em forma de troféu para Duda Lisboa. Durante a entrega das medalhas, Mariana Dantas entregou à atleta um troféu, como forma de agradecimento, pela presença e conquista da vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020. Duda fez questão de contar um pouco sobre o que sentiu diante da homenagem.

“Eu fico muito feliz pela realização deste torneio em minha homenagem. É muito gratificante, passar por tudo isso que está acontecendo na minha vida. Com vocês torcendo, eu me sinto mais forte, com a minha família, com a minha equipe. Espero representar muito bem São Cristóvão, Sergipe e o Brasil, em Tóquio, lembrando de cada um de vocês por estarem torcendo ao meu lado. Muito obrigada”, agradeceu Duda Lisboa, que terá em 2020 uma agenda super agitada, com previsão de boa atuação olímpica, em Tóquio.

Fotos por: Gleice Lima