ico Carregando...
Logo SEEL

Medalhas do Badminton representam muito para o futuro desse esporte em competições nacionais

Autor(a): Givaldo BatistaVisitas: 82
26 de novembro de 2019

Twitter Facebook WhatsApp WhatsApp

Imagem de Capa

A equipe do Badminton foi o destaque do segundo grupo da delegação sergipana nos Jogos Escolares da Juventude-2019, ocorrido em Blumenau (SC). A atleta Kailane Letícia, aluna do CE Paulo Freire, subiu ao pódio duas vezes, para receber as medalhas de bronze na sua participação individual e na dupla feminina.

"Estou muito feliz com a conquista. Subir ao pódio e poder representar bem meu estado é a maior recompensa para qualquer atleta, principalmente em uma competição de alto nível, como são os Jogos Escolares da Juventude. Estou ainda muito emocionada pelos resultados obtidos. É momento também de agradecer o trabalho dos meus técnicos e de todos que contribuíram para o sucesso da modalidade", comemorou.

Além de Kailane Letícia, a equipe de Badminton conta com os jovens Vitória Andrade e Paulo Roberto, do Colégio Magnus, de Itabaiana; Ginaldo José, do Colégio Estadual Martinho Garcez, de Frei Paulo e Roberto Gabriel, da Escola de Aplicação Sagrado Coração de Jesus, da cidade de Frei Paulo. Os técnicos foram Denis Lima e Antônio Barreto.

Diante desses resultados, o técnico Denis Lima, responsável pelos atletas Kailane Letícia, Vitória Andrade e Paulo Roberto, destacou as atuações dos atletas sergipanos e avaliou como positiva a participação do Badminton do Estado de Sergipe.

"O importante é que temos uma equipe jovem, que pode crescer muito em futuras competições. Ganhar medalhas e subir ao pódio é importante, mas há outros critérios que devem ser avaliados, como o fato de estarmos aqui, em uma competição de alto nível, entre os melhores atletas dessa modalidade no Brasil. A conquista de medalhas é apenas um detalhe. Nossa equipe é muito jovem, e uma atleta como Vitória Andrade tem muito a aprender e a evoluir nos próximos anos. A presença, a participação e a troca de experiências são fatores muito importantes", avaliou Denis Lima.

Para o professor Antônio Barreto, a avaliação também é positiva. "Só o fato de estarmos aqui já é um grande aprendizado, um enriquecimento para atletas e técnicos. Estamos entre os melhores do Brasil. A conquista de medalhas é só mais um detalhe. Importante sim. Mas não essencial", comentou Antônio Barreto, técnico de Ginaldo José e Roberto Gabriel, da cidade de Frei Paulo.

O presidente da Federação Sergipana de Badminton, Wendel Oliveira, chefe da delegação sergipana nos Jogos da Juventude, fez uma avaliação das medalhas conquistadas por Kailane Letícia, no Badminton. "Chegamos aqui com uma equipe jovem. Quatro desses atletas estão vindo pela primeira vez. Mesmo assim, eles venceram jogos contra atletas mais experientes da primeira divisão. Isso é um amadurecimento para que possam vir no ano seguinte com mais experiência e consigam resultados mais expressivos. Kailane não foi uma surpresa. É a quinta vez que ela participa e sempre ganhou medalhas. A expectativa era que ganhasse uma aqui em Blumenau, mas ganhou duas. Melhor assim", comentou.

Fotos por: Givaldo Batista