Aguarde, carregando...

Site institucional da Superintendência Especial de Esporte

Logomarca da Superintendência Especial de Esporte

Governo promove reunião para alinhar protocolo sobre torcida nos estádios

Autor(a): Givaldo BatistaVisitas: 47

24 de setembro de 2021

Twitter Facebook WhatsApp WhatsApp

Imagem de Capa

O Governo do Estado realizou, na manhã desta sexta-feira (24), mais uma reunião com diversos órgãos públicos com o objetivo de detalhar as medidas sanitárias que deverão ser seguidas pelas torcidas de futebol, que foram liberadas a frequentar estádios desde a última sexta-feira (17). A reunião ocorre após a primeira partida de futebol com torcedores realizada em Sergipe - desde a suspensão devido à pandemia da Covid-19 - ter sido avaliada como satisfatória diante do cumprimento das medidas preestabelecidas pelo Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae).

Apesar da flexibilização, continua proibida a presença de torcidas organizadas e os portões deverão ser fechados com antecedência de 30 minutos do início da partida. O jogo entre Confiança  e Operário (PR) pela série B do Campeonato Brasileiro de Futebol será realizado na Arena Batistão neste sábado às 17h39.

“A organização da partida é do Confiança, que resolveu autorizar dez vendedores dentro do estádio. O público terá acesso a bebidas não alcoólicas, entre elas a água, refrigerante e suco. E ficou deliberado, também, que, já obedecendo à nova resolução do Comitê, os portões fecham trinta minutos antes do início do jogo, ou seja, às dezessete horas”, reiterou o superintendente de Comunicação do Estado, Givaldo Ricardo.

Representando a Prefeitura de Aracaju, Luiz Roberto Dantas avaliou a reunião como muito proveitosa. “Cada órgão já sabe qual é a sua responsabilidade e a prefeitura continuará colaborando para essa retomada da economia e a para a presença de público nos nossos estádios”, afirmou o presidente da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), ressaltando que Sergipe deu exemplo no último jogo. “Tivemos comentários em rede nacional, que a organização aqui em Sergipe superou todas as cidades, pois cumprimos todos os requisitos colocados pelo Governo do Estado”.

Participaram da reunião, representantes das superintendências Especiais de Esportes, da Comunicação, Polícia Militar, Prefeitura de Aracaju, Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e Federação Sergipana de Futebol (FSF) e Associação Desportiva Confiança (ADC).

"Viemos alinhar que tudo que foi feito no primeiro jogo será repetido nesse segundo, apenas com alguns ajustes. E vai ser um sucesso, como vimos que, nacionalmente, foi um sucesso [o primeiro jogo]", conclui o vice-presidente da Federação Sergipana de Futebol, Luiz Santana.

Recomendações - Na última quarta-feira (22), o Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae) prorrogou as medidas de restrição e enfrentamento à Covid-19 vigentes no estado, com algumas alterações relacionadas apenas à permissão de público nos estádios em partidas oficiais do futebol profissional, organizadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

De acordo com a Resolução Nº 30, publicada no Diário Oficial do Estado na quinta-feira (23), passa a ser permitido público nos estádios de futebol profissional, mas ainda com algumas restrições. Fica determinado que todos os portões de acesso aos setores comercializados devem ser fechados com antecedência de 30 minutos do início da partida. Também fica proibido o consumo e a comercialização apenas de bebidas alcoólicas no estádio.

Para o acesso dos torcedores ao estádio, continua obrigatória a comprovação de recebimento da 1ª e 2ª doses ou a dose única de imunizante contra a Convid-19; ou a apresentação de teste antígeno ou RT-PCR de Covid-19 negativo, realizado, no máximo, 72h antes da partida. Assim como, deve-se manter a ocupação de 20% da capacidade do estádio.

O acesso, ao estádio, deve ser organizado para que não haja aglomeração de pessoas. É proibida a presença de torcida visitante e aglomeração de pessoas nas imediações do estádio no dia e local do jogo.

Ressalvados os técnicos, os atletas em campo e a equipe de arbitragem, durante o decurso da partida, o uso de máscaras é obrigatório para todos os demais presentes, incluindo atletas nos vestiários e nos bancos reservas, o público em geral, os profissionais de imprensa, de saúde, de segurança pública e de outras atividades.

O público deve permanecer prioritariamente sentado, com distanciamento mínimo de 1 metro entre as pessoas ou entre os grupos de coabitantes de até 4 pessoas, permanecendo vedada a aglomeração de pessoas.

 

Galeria vinculada

Fotos por: ascom supee